domingo, 27 de agosto de 2017

GRANDES MESTRES DAS ARTES MARCIAIS - 2

MASATOSHI NAKAYAMA - SHOTOKAN KARATE  (1913–1987)
Masatoshi Nakayama nasceu a 6 de Abril de 1913, em Tóquio, no Japão, filho de um médico militar. Os seus pais eram descendentes diretos de uma linha antiga de samurais.
Desta forma, a Arte do Kendo chegou a fazer parte da sua educação. Mais tarde, foi iniciado na Arte do Judo, mantendo, no entanto, a sua instrução no Kendo. Em 1922, conheceu Gichin Funakoshi, tornando-se seu discípulo direto. Nessa altura, os processos de treinos eram, inevitavelmente, muito mais duros que atualmente, sendo compostos, basicamente, por movimentos encadeados, Katas e treino no Makiwara.
Em 1932, entrou para a Universidade de Takushoku, onde se diplomou em 1937. Posteriormente foi para a China com a finalidade de aprender o idioma chinês, tendo conseguido entrar para a Universidade de Pequim.
Para complementar os seus já vastos conhecimentos de Karate, com a aprendizagem de outros estilos de lutas, estudou a Arte dos treze Kempos, sistema de combate chinês, orientado pelo Mestre Kim, que era extremamente forte e potente nos seus golpes.Dedicou particular atenção aos golpes de pés deste estilo.
Regressou ao Japão, em 1952, passando a fazer parte do grupo de professores da Universidade de Takushoku, sendo nomeado, posteriormente, diretor de Educação física da mesma.
Em 1953, Nakayama viu aprovadas pelo governo japonês, as regras de competição para aquele que viria a ser um dos desportos mais praticados e espetaculares do mundo. Até então, o governo japonês receava que uma arte marcial capaz de desenvolver tamanhas potencialidades, com técnicas portadoras de uma enorme energia, suficiente para que de um só golpe fosse possível matar um adversário, se viesse a tornar num desporto irracional e sem futuro.
Masatoshi Nakayama com alguns dos seus ilustres alunos
Depois da morte do Mestre Funakoshi, é nomeado em 1955, instrutor Chefe da Japan Karate Association, cargo que manteve até à sua morte em 1987, possuindo nessa altura a graduação de 9º Dan.
O lema do estilo Shotokan, o mais codificado e diretamente ensinado e estabelecido pelo mestre Gichin Funakoshi e pelo seu filho Yoshitaka Funakoshi, é ” força, velocidade e endurance”.
Em princípio, é uma técnica baseada no trabalho a longa distância e em contracção de movimento. Os katas oficiais são os Taykyokus, Heians, Tekkis, Kankus e Bassai, hoje editados com minúcia em magníficos volumes, por Masatoshi Nakayama.
O êxito de Nakayama foi, sem dúvida, merecido, mas, para isso contribuíram as sementes deixadas pelo mestre Funakoshi, que dedicou toda a sua vida a um único objectivo, o karate-do.
Depois da morte de Funakoshi, em 1957, organizou os primeiros campeonatos de karate no Japão, em 1958, cumprindo publicamente a promessa feita ao seu mestre. O êxito foi enorme e o seu esforço para a implementação da componente desportiva do karate, foi compensado com essa mesma implementação. Desde essa altura, o karate não parou de crescer não só no Japão, mas por todo o Mundo.
Pelos instrutores que ensinou e enviou por todo o planeta, pelos livros que escreveu, vídeos que realizou, por todo o trabalho árduo que desenvolveu em prol do Karate, foi, e continua a ser reconhecido como um dos grandes Mestres.

MESTRE TSUTOMU OSHIMA -SHOTOKAN KARATE (Nascido em 1930)
Oshima nasceu numa vila ao sul da China, chamada Tsin Tao, no dia 6 de Agosto de 1930. Regressou ao Japão com os seus pais em 1940, aos dez anos.
Durante os primeiros anos da sua vida, praticou Sumo, Kendo, e Judo, até 1945, quando os americanos ganharam a guerra e proibiram as Artes tradicionais do Budo.
Em 1948, na Universidade de Waseda em Tóquio, Oshima iniciou os seus estudos, sob orientação do grande Mestre, Gichin Funakoshi e dos seus discípulos mais destacados como Egami, Hironishi e Watanabe.
Oshima tornou-se capitão do clube de Karate da Universidade de Waseda, em 1952, tendo participado no encontro com a Universidade de Keio em “Kumite tradicional”. Em 1953, depois de ter conseguido o seu diploma universitário, vários praticantes fizeram uma exibição no estado-maior das forças aéreas americanas, tendo Oshima sido selecionado para lhes ensinar Karate.
O Mestre Oshima explica que o treino que se fazia antes, não tem nada a ver com os processos actuais, pois, antigamente, só 10% dos que começavam, chegava ao final do primeiro ano de treinos. O Kumite que se fazia era realmente duro e nunca se pensava nos riscos que se corriam ou nas lesões que poderiam sofrer.
Ainda que reconhecesse que as Artes Marciais estão intimamente ligadas ao Shintoísmo, ele está interessado em qualquer tipo de religião tendo, inclusivamente, estudado durante muito tempo, o Zen.
Foi também o fundador do (SKA) Shotokan Karate of America, mantendo a função de diretor técnico de várias organizações internacionais Shotokan, tais como as do Canada, França, Israel, Bélgica, Gabão, da Indonésia, Marrocos, Espanha e Suiça.
A primeira Universidade de Karate nos Estados Unidos foi fundada pelo Mestre Ohshima na Califórnia (Institute of Technology in Pasadena, CA), em 1958. Em 1969, foi formado o Shotokan Karate of America Organization.

Tsutomu Ohshima
O mestre Oshima traduziu o livro “Karate Do Kyohan” de Gichin Funakoshi do Japonês para o Inglês, com grandes dificuldades, pois muitas das palavras e ideogramas do japonês eram de difícil tradução para o inglês, tendo em conta que procurava ser o mais preciso possível na tradução do original escrito por Funakoshi.
Até hoje, detém o 5º Dan que lhe foi atribuído por Gichin Funakoshi.

MESTRE HIROSHI SHIRAI - Shotokan karate (Nascido em 1937)
Hiroshi Shirai nasceu em Nagasaki, no Japão, a 31 de Julho de 1937, tendo começado a praticar karate na Universidade de Kobazawa, Japão, em 1955, sob a supervisão do mestre Nishiyama Hidetaka.

O seu grupo ganhou o campeonato do Japão, em 1957. Sensei Shirai ficou em terceiro lugar no campeonato do Japão em 1958 e 1959, primeiro no campeonato do Japão em 1962 e segundo, no campeonato do Japão em 1963. Durante os últimos anos, Mestre Shirai, tem percorrido toda a Europa demonstrado a sua visão do Karaté. Detém o 10º Dan


MESTRE TATSUO SUZUKI - KARATE WADO RYU (1928-2011)

Wado Ryu é um estilo de karate baseado nos movimentos naturais.
Foi fundado em 1939, por Otsuka Hidenori, nascido em 1892, e um dos discípulos de Gichin Funakoshi. Este estilo é menos violento e menos espetacular que o Shotokan.
Mestre Suzuki nasceu em 1928, em Yokohama e iniciou a prática do karate aos 14 anos; anteriormente praticara Kendo no colégio. Com 20 anos, consegue o 3º Dan, na época, o máximo em Wado Ryu. Trabalhou na empresa construtora internacional, Suzuki, tendo sido secretário do seu presidente Seigen Tanak, que, influenciado por Suzuki na filosofia do espírito do Budo, chegou a frequentar um templo para estudar meditação. Esta época marcou definitivamente o carácter do Mestre.
 Depois da sua graduação universitária, regressou a Hamanatsu, a cidade de seu pai, onde abriu o seu primeiro ginásio. Em 1963, Suzuki viajou para a Europa e para América com os Mestres Arakawa e Takashima, para ensinar e fazer demonstrações da sua arte.
Dois anos mais tarde, foi convidado pela Federação Inglesa de Karate para ensinar Wado Ryu em Inglaterra. Pouco tempo depois, mandou um treinador japonês a cada canto da Europa. Em 1989, foi formada a W.I.K.F., com a intenção de preservar as técnicas originais do Mestre Otsuka.
Mestre Suzuki escreveu o livro “Karate-Do-Wado-Ryu”. Detinha o 8º Dan quando faleceu.


























Sem comentários:

Publicar um comentário